segunda-feira, 19 de maio de 2014

Concurso para Polícia Militar

Governo do Estado autoriza concurso público para Polícia Militar

Através da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS),o  Governo do Estado do Ceará, dando dando continuidade a implementação do "Programa em Defesa da Vida",  vai realizar novo concurso público para a Polícia Civil, com o objetivo de ampliar o número de delegacias que funcionam 24 horas e de fortalecer o trabalho da polícia judiciária. O governador Cid Gomes autorizou, na última sexta-feira, 9,  o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Servilho Paiva, a adotar as medidas necessárias para a abertura de concurso público para a contratação de 763 novos policiais civis, sendo 168 delegados, 336 escrivães e 259 inspetores.

A medida propiciará vários benefícios, como por exemplo, um atendimento à população em tempo integral, mais rápido e mais próximo da realidade da respectiva comunidade e maior eficiência e eficácia na resolução dos crimes ocorridos na área. A ampliação do número de delegacias 24 horas também possibilitará a fixação e a potencialização do policiamento ostensivo e preventivo a cargo das equipes da Polícia Militar, além da redução dos custos com combustível e manutenção das viaturas, visto a consequente redução de deslocamento das equipes da PM para lavratura de flagrantes em outras áreas, especialmente à noite e nos finais de semana, quando só os polos plantonistas funcionam. A medida ainda promoverá uma maior integração entre as forças de segurança que atuam na respectiva AIS, o conhecimento decorrente da troca continua de informações sobre os criminosos e tipos de delitos que são praticados na área.

Uma portaria do Secretário da Segurança Pública e Defesa Social vai anunciar as delegacias 24 horas que, inicialmente, se somarão as já existentes na Capital, Região Metropolitana e Interior. A portaria regulamentará ainda a formação em bloco dos concursados (Delegados, Inspetores e Escrivães), visando o funcionamento adequado das delegacias 24 horas logo após a nomeação dos aprovados, bem como os critérios de escolha de vagas que se dará pela ordem de classificação no curso de formação.

Uma comissão composta por dois representantes da SSPDS, dois da Polícia Civil, dois da Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag) e um da Academia Estadual de Segurança Público (Aesp) será nomeada para dar prosseguimento aos trâmites do concurso.

Concurso para DER/CE

Salários de até R$ 6,8 mil em concurso do DER/CE
Foram disponibilizadas 20 vagas, sendo duas reservadas para portadores de necessidades especiais
O Departamento Estadual de Rodovias do Ceará (DER-CE) lançou seleção com o objetivo de contratar 20 profissionais em caráter temporário. Duas oportunidades são reservadas para portadores de necessidades especiais.

As ofertas para nível médio/técnico são para cadista (4 + 1 PNE) e técnico em estradas (2). Os salários são, respectivamente, R$ 2.288,43 e R$ 2.372,38. Para este grupo, é exigido pelo menos três anos de experiência profissional.

Candidatos com nível superior podem candidatar-se a advogado pleno II (2), cartógrafo/geólogo pleno (1), engenheiro-agrônomo pleno (1), engenheiro civil pleno I (2), engenheiro civil pleno II (5 + 1 PNE) e engenheiro mecânico pleno II (1). Pleno I consiste em ter experiência mínima profissional de 0 a 4 anos, e o pleno II, acima de 4 anos. A remuneração varia de R$ 5.022,46 a R$ 6.441,00
O período de inscrições terá início às 10h do próximo dia 21 de maio (quarta-feira) e segue até as 23h59 do dia 1º de junho, pelo site www.Funcab.Org. As taxas custam R$ 57 para nível médio/técnico e R$ 100 para nível superior.

O DER é o órgão responsável por planejar, construir e manter as estradas de rodagem estaduais
O Departamento Estadual de Rodovias do Ceará (DER-CE) lançou seleção com o objetivo de contratar 20 profissionais em caráter temporário. Duas oportunidades são reservadas para portadores de necessidades especiais.

As ofertas para nível médio/técnico são para cadista (4 + 1 PNE) e técnico em estradas (2). Os salários são, respectivamente, R$ 2.288,43 e R$ 2.372,38. Para este grupo, é exigido pelo menos três anos de experiência profissional.

Candidatos com nível superior podem candidatar-se a advogado pleno II (2), cartógrafo/geólogo pleno (1), engenheiro-agrônomo pleno (1), engenheiro civil pleno I (2), engenheiro civil pleno II (5 + 1 PNE) e engenheiro mecânico pleno II (1). Pleno I consiste em ter experiência mínima profissional de 0 a 4 anos, e o pleno II, acima de 4 anos. A remuneração varia de R$ 5.022,46 a R$ 6.441,00

O período de inscrições terá início às 10h do próximo dia 21 de maio (quarta-feira) e segue até as 23h59 do dia 1º de junho, pelo site www.Funcab.Org. As taxas custam R$ 57 para nível médio/técnico e R$ 100 para nível superior.

A isenção da taxa de inscrição pode ser solicitada, no mesmo período de inscrição, para candidatos doadores de sangue, portadores de deficiência, estudantes que tenham concluído o Ensino Médio em escola pública, que possua renda familiar mensal de até dois salários mínimos ou inscritos no CadÚnico.

Todos os candidatos serão submetidos à prova objetiva, prevista para o dia 15 de junho, e prova de títulos. A seleção pública terá validade de um ano, podendo ser prorrogada uma vez por igual período.

Última seleção
O último processo seletivo para o órgão ocorreu em 2011, também em caráter temporário. O número de vagas oferecido na ocasião foi o mesmo: 20. No entanto, a empresa organizadora foi a Associação Cearense de Estudos e Pesquisas (ACEP). A seleção foi mediante a avaliação de títulos dos candidatos.